Compartilhe!
Share on Facebook7Share on Google+3Tweet about this on Twitter3Share on LinkedIn1Pin on Pinterest1

A arte e a ciência de vender (muitos) livros nem sempre é uma tarefa fácil, e demanda planejamento e investimento das editoras. Por outro lado certos acontecimentos podem catapultar livros para o status de bestsellers, e por isso o Listas Literárias lista 10 acontecimentos que catapultam as vendas de livros:

1 – Adaptações: a melhor forma para se ter resultado direto nas vendas se dá por meio das adaptações do livro para outros meios, especialmente o cinema. Uma coisa puxa a outra, e assim muitas vezes como no caso recente de A Menina Que Roubava Livros, bastou sua chegada ao cinema, para revigorar as vendas, e colocar o livro entre os mais vendidos. Não só o cinema tem esse poder, já que outro exemplo recente foi o sucesso a minissérie Amores Roubados inspirada no desconhecido livro do grande público A Emparedada da Rua Nova chegou colocar o livro entre os mais vendidos do país;

2 – Estar na Lista: Por mais paradoxal que pareça acredito que nada mais catapulte vendas do que a presença do livro entre a lista de mais vendidos. Entre os consumidores parece que há um atestado de que estar entre os mais vendidos é sinônimo de boa leitura. Por isso o grande desafio das editoras é colocar o título na lista, pois estando nela a busca pelo livro aumenta, e assim muitos exemplares se perpetuam na lista, multiplicando consideravelmente suas vendas;

3 – Evento de Repercussão: Outro fator que pode levar ao aumento da procura por determinado livro é a sua relação com determinados eventos com repercussão em escala global, como quando das denúncias feitas pelo jornalista Edward Snowden sobre a espionagem americana, a procura por 19984 de George Orwell aumentou mais de 7.000% no site da Amazon;

4 – Leitor Celebridade: Outro fator que pode aumentar as vendas de um livro é o sucesso que faz entre pessoas influentes, especialmente no meio artístico. A indicação de leitura por um ídolo pode fazer saltar as vendas de um livro, algo que por exemplo pode em muito ter colaborado para o fenômeno Cinquenta Tons de Cinza, quando não raro celebridades foram flagradas lendo a obra;

5 – A Morte do Autor: Obviamente este é um item que não deverá agradar a autores, mas muitas vezes com a morte do escritor como reflexo aumenta a procura por seus livros, o que acaba tendo reflexo direto nas vendas;

6 – Reality Shows: Outra coisa que pode ajudar, e muita a vender mais livros são os reality shows que dominaram a televisão brasileira nos últimos anos. Estar na estante de um participante que os leva para o confinamento pode ser o sonho de autores e editoras. Melhor ainda quando como no caso da vencedora do BBB11, Maria que num casamento perfeito e no mais eficiente merchandisign involuntário do mercado editorial levou para o topo dos mas vendidos o livro Deixe os Homens aos Seus Pés;

7 – Descontos Agressivos: Aqui no Brasil sempre funciona bem as promoções, especialmente quando vindas com descontos agressivos, como ano passado Cosac Naify e Companhia das Letras realizaram promoções exclusivas de seu catálogo cujo resultado teve reflexos imediatos nas principais listas de mais vendidos;

8 – Eventos Eventuais: Determinados eventos raros ou passageiros também podem ter impacto no comércio de livros, seja sobre um assunto, ou então sobre um livro específico. Como exemplo a crise financeira mundial recente aumentou a busca por livros de Karl Marx, ou como quando em 2012 proliferaram obras e vendas relacionadas ao fim do mundo. Em 2014 a tendência é que por causa da Copa do Mundo, livros relacionados ao futebol tenham reflexo nas vendas;

9 – Premiações: Premiações literárias influentes também trazem reflexos para as vendas de livros dos premiados, especialmente os laureados pelo Nobel de Literatura;

10 – Boca a Boca: Se não a mais rápida, talvez a mais eficiente é a repercussão e o retorno dos leitores a determinado livro, que ao cair na preferência de um grande número de leitores acabam chegando ao topo de vendas. Dois exemplos são o recente sucesso de John Green que sem muito alarde vem nos últimos anos conquistando mais e mais recentes leitores brasileiros e hoje domina as listas de mais vendidos, e o bestseller nacional Eduardo Spohr que com A Batalha do Apocalipse chegou a lista de mais vendidos depois de muito boca a boca promovido por leitores na internet.

 

Publicado originalmente por Douglas Eralldo no Listas Literárias

Dê seu voto
Compartilhe!
Share on Facebook7Share on Google+3Tweet about this on Twitter3Share on LinkedIn1Pin on Pinterest1
eBook grátis Como transformar ideias em livros de sucesso