Compartilhe!
Share on Facebook7Share on Google+0Tweet about this on Twitter1Share on LinkedIn0Pin on Pinterest0

Nesta terça-feira (01/09) o Google apresentou o seu novo logotipo e os blogs de design entraram em êxtase. No entanto, 99.9% dos sites que vi, esqueceram de falar um dos quesitos mais importantes da nova identidade. Aliás, isso é uma coisa que merece um desabafo. Quando comecei o Com limão, os blogs tinham identidades, tinha opiniões. Atualmente, viraram uma grande massa de “copy and paste”. Salvo um punhado de formadores de opinião, a grande maioria só sabe reproduzir a mesma notícia em massa. Ok! Terminado o desabafo, vamos ao logo do Google.

 

A maior mudança em 17 anos: O fim da serifa

Não é a primeira vez que o logo do Google muda. Ele já teve pelo menos 3 tipografias distintas, mas esta é a primeira vez que o nome “Google” aparece sem serifa. A nova fonte lembra a família Roboto, já usada no material design da empresa e fonte padrão desde a versão Ice Cream Sandwich, do Android.

Outro detalhe importante da nova identidade é o uso das quatro cores: verde, vermelho, azul, amarelo. Elas já estavam presentes na identidade antiga, mas agora ganharam uma versão chapada/flat, ou seja, é o fim dos gradientes.

Por fim, mas não menos importante, o símbolo oficial da marca (o “g” minúsculo) foi substituído por um “G”, maiúsculo e colorido com a paleta da empresa.

 

O mais importante: Ele é bonito, é simples… e FUNCIONAL!

Como foi uma apresentação muito simples, não tem como analisar muito, mas aqui está o ponto mais importante do logo, o seu peso. Segundo o CEO da empresa, o logo antigo consumia cerca de 14 mil bytes, a nova versão consumirá APENAS 305 bytes.

O que isso significa? Vamos dizer que a página inicial do google.com receba 1 bilhão de visitas mensais (segundo dados do comScore de 2011, ou seja, uma estimativa bem baixa). O logo antigo representava um consumo mensal de 14TB. Com alguns pequenos ajustes e mudanças, sem perder o colorido e a essência da marca, o novo logo pula para um consumo mensal de 305 GB. Em resumo, a nova identidade reduz 45 vezes o consumo de servidor só com o logotipo.

Segundo o site The Verge, a redução deste consumo (além da economia financeira gerada pelo novo logotipo) faz parte de um dos objetivos da empresa, que é levar os serviços da empresa para áreas do globo onde o acesso à internet seja limitado.

Adicione todos esses pontos ao fator que o novo logo é totalmente escalável, ou seja, fica perfeito em uma tela de 55”ou em um Android Watch, e você entenderá porque o novo logotipo é um trabalho tão genial!

 

[youtube id=”olFEpeMwgHk” align=”center” mode=”normal” autoplay=”no” aspect_ratio=”16:9″ maxwidth=”770″]

 

Publicado originalmente no Linkedin por Victor Vasques

O novo logotipo do Google é mais genial do que você imagina!
Dê seu voto
Compartilhe!
Share on Facebook7Share on Google+0Tweet about this on Twitter1Share on LinkedIn0Pin on Pinterest0
eBook grátis O manual secreto do marketing