Compartilhe!
Share on Facebook12Share on Google+5Tweet about this on Twitter0Share on LinkedIn0Pin on Pinterest0

Hoje, no Vídeo Letras, temos o prazer de apresentar um texto atribuído a Clarice Lispector (1920 – 1977), uma das mais conhecidas escritoras da língua portuguesa. De origem judia, nasceu na Ucrânia, passou a infância no Recife e em 1937 mudou-se para o Rio de Janeiro, onde se formou em direito. Estreou na literatura ainda muito jovem com o romance Perto do Coração Selvagem (1943), que teve calorosa acolhida da crítica e recebeu o Prêmio Graça Aranha.

“Não te amo mais” brinca com as palavras de forma genial. O texto possibilita duas leituras e interpretações muito curiosas. Há quem diga que o texto é de Clarice Lispector, mas não encontramos referência na obra que Clarice deixou. De qualquer forma, vale a pena conferir o texto.

Assista (e leia) o vídeo até o final.

[youtube id=”fCYWSSJlxS4″ align=”center” mode=”normal” autoplay=”no” aspect_ratio=”16:9″ maxwidth=”770″ grow=”yes”]

 

Não te amo mais
Estarei mentindo dizendo que
Ainda te quero como sempre quis
Tenho certeza que
Nada foi em vão
Sinto dentro de mim que
Você não significa nada
Não poderia dizer mais que
Alimento um grande amor
Sinto cada vez mais que
Já te esqueci!
E jamais usarei a frase
Eu te amo!
Sinto, mas tenho que dizer a verdade
É tarde demais…

(Atribuído a Clarice Lispector)

 

 

 

Vídeo Letras 1 – Não te amo mais, só que não
Dê seu voto
Compartilhe!
Share on Facebook12Share on Google+5Tweet about this on Twitter0Share on LinkedIn0Pin on Pinterest0
eBook grátis Como transformar ideias em livros de sucesso